Provocando o estímulo a resposta (call-to-action) em campanhas de e-mail marketing

Você já conseguiu superar os principais desafios para conquistar a atenção do cliente potencial, escapou com inteligência dos filtros anti-spam e despertou o interesse com um assunto (subject) provocante. Agora sua missão é fazer com que o leitor inicie a interação com sua empresa, motivado por uma edição perfeita do conteúdo do e-mail. Geralmente ações de Marketing Direto buscam estimular a resposta do usuário, o call-to-action, você envia a mensagem esperando que ele interaja de alguma forma com sua comunicação, geralmente através de cliques. Partindo daí muita inteligência pode ser aplicada…

Newsletter

Se você deseja receber as novidades do IFDBlog por email, insira o seu logo abaixo:
 

O ponto número um de atenção é na construção da peça, sua forma de comunicação e principal instrumento para análise do comportamento dos interesses de seu público. Como em toda comunicação para a Internet, evite usar textos muito longos e cansativos, utilize o e-mail apenas como uma forma de chamada para o conteúdo. Se precisar apresentar mais informações, convide a acessar seu site, assim você saberá quais os links mais clicados, quais usuários, de quais perfis, clicaram em cada um dos links.

É comum encontrar campanhas de E-mail Marketing que contenham apenas imagens. O uso excessivo de imagens em e-mail acaba sendo prejudicial: muitos leitores as bloqueiam, são demoradas para carregar e estudos comprovam que o uso de imagens não aumenta a taxa de resposta, lembre-se que você está usando e-mail e não mala direta. E-mails contendo links ao longo do texto recebem 54% mais cliques que links em imagens, o usuário está mais acostumado a localizar os links em texto.

Evite apresentar vídeos ou chamadas em Flash, essas funcionalidades podem ser bloqueadas pelos leitores de email e você perderá uma oportunidade de passar sua mensagem a alguns usuários. Sempre que preciso coloque uma imagem que faz chamada ao recurso multimídia e faça um link para seu Site, assim você evita possíveis bloqueios e monitora os cliques dos usuários.

Um dos indicadores de resultados mais concretos em ações de E-mail Marketing é a taxa de cliques/leitura, que indica o grau de interação dos usuários com a sua mensagem. Quanto maior, melhor. Quanto mais cliques forem feitos no email, mais visitantes foram direcionados para seu Site, maiores as chances de venda e exposição de seu produto. 11% das vendas online no varejo acontecem por campanhas de E-mail Marketing, esse número por si só já é um grande motivador para trabalhar bem o estímulo a resposta.

Analisar os cliques realizados em suas ações é a atividade de inteligência mais básica a ser realizada. Quem foram os usuários que clicaram? Qual o link mais clicado? Por que ele foi mais clicado? Quem eu queria que clicasse, clicou? E quem leu mas não clicou, fica assim mesmo? Monitorando o comportamento de seus clientes muitas idéias surgirão e mais inteligência poderá ser adicionada em suas próximas ações.

Você tem um caso de sucesso? Participe, compartilhe suas ações práticas e experiências reais.
Envie dúvidas, sugestões e idéias para ideiasedicas@zartana.com

autor: Fabio Nunes
fonte: Acontecendo Aqui

Postado em:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *