Quando os logotipos eram objetos físicos





Ouso dizer que quase tudo que foi feito em design gráfico onde hoje se usa programas que facilitam a vida de muitos profissionais já foi um dia produzido usando um processo físico, de jornais até os logotipos de emissoras de TV. Mas algumas estações de TV e estúdios de cinema levaram as coisas bem mais longe e criaram logotipos físicos que foram filmados para criar efeitos especiais bem dinâmicos. Indiscutivelmente o mais famoso é o Leão da MGM, o Leão, que apareceu pela primeira vez em 1916 e iria passar a incluir 7 leões diferentes ao longo das décadas.

Recentemente, Andrew Wiseman, um amante da história da televisão, descobriu este um vídeo dos bastidores do logotipo da Radiodiffusion Télévision Française do início da década de 1960, que foi construído com uma série de cordas para simular na identidade um efeito de brilho que não poderia ser alcançado com desenhos em 2D. O logotipo também poderia ser filmado a partir em diferentes perspectivas, embora não haja nenhuma evidência que isso foi realmente feito.

null

.
Um outro logotipo famoso físico é o “globo e espelho” da BBC – usado de 1981 a 1985, que foi baseado em um dispositivo físico. Depois de filmarem o globo rotativo contra um espelho panorâmico, parece que os resultados foram então rastreados à mão, semelhante ao rotoscópio.

null

.

Uma das seqüências mais elaboradas de chamadas de TV física foi em 1983 da HBO, que apesar de dar a impressão de ser animado ou criado digitalmente foi de fato construído quase inteiramente com efeitos práticos. Você pode assistir a um vídeo de 10 minutos sobre como eles fizeram, logo abaixo:

.
autor: Christopher Jobson
fonte: This is Colossall
tradução: Iris Freitas Duarte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *