Dicas para estagiários de publicidade

Ok, você teve determinação, conseguiu superar as dificuldades, venceu os concorrentes e finalmente conseguiu o tão sonhado estágio em uma agência de publicidade. Mas e agora, o que fazer para que a experiência seja realmente produtiva e se converta em uma contratação?

Em primeiro lugar é importante deixar claro que não existe fórmula mágica. Cada agência tem a sua forma de trabalhar, de medir resultados e de tratar seus profissionais. Então vamos apenas citar alguns pontos comuns que podem te ajudar a refletir e, se for o caso, colocar em prática no seu novo trabalho:

Seja humilde
Não importa se você é o melhor aluno da classe, se você domina o Indesign como ninguém, se você é o mais persuasivo dos atendimentos: jamais se superestime! Nunca se esqueça que você está lá, em primeiro lugar, para aprender. Portanto, a cada contato com a profissão, procure sempre refletir sobre o que você pode aprender com aquilo. Se você ainda não se achar preparado para desenvolver uma atividade, seja humilde e peça ajuda aos mais experientes.

Faça um rodízio entre as áreas da agência
Foco e especialização são importantes, sem dúvida, mas quando você está entrando em um mercado é mais importante ainda conhecê-lo como um todo. Por este motivo, faça um rodízio entre todas as áreas da agência. Converse com o seu superior sobre a possibilidade de fazer um “job-rotation”, ou seja, ficar (pelo menos no início) um pouco em cada departamento. Isso vai te dar uma noção melhor de como funciona o negócio da propaganda, de como cada área trabalha e como o seu trabalho pode contribuir para cada uma dessas áreas. Às vezes você até acaba descobrindo que sua praia não é criação e sim planejamento, por isso vale a pena fazer este rodízio.

Saiba se comportar no ambiente de trabalho
Por mais descolada que seja uma agência, ela não deixa de ser uma empresa e precisa ter produtividade para poder gerar resultados. Portanto, tenha a consciência de que ambiente de trabalho não é lugar para excesso de conversas, fofocas, e-mails pessoais, ficar olhando seu Orkut, twittando, etc. Trabalho é trabalho! Seja educado sempre, não fale palavrões ou muitas gírias, não se vista de forma inadequada. Quanto mais comprometido você for com o trabalho, maiores serão as suas chances de contratação.

Tome iniciativas
Não espere para fazer somente o que lhe pedirem. Seja proativo, procure dar sugestões, opiniões, proponha inovações, auxilie seus colegas de trabalho nas mais diversas tarefas. O espírito colaborativo e o trabalho em equipe são algumas das competências mais valorizadas pelas empresas, portanto se pergunte sempre: “O que eu posso fazer para que o trabalho da agência flua melhor?”

Seja bem informado
Procure aprender bastante tudo o que diz respeito à sua profissão. Mantenha-se informado sobre o mercado publicitário, sobre a economia, sobre o rumo que o país está levando, sobre a agência que você está estagiando e principalmente sobre os clientes que a agência tem e sobre os concorrentes destes clientes. Quanto mais informado você estiver, melhor você vai conseguir propor boas campanhas e, com isso, se sobressair. O portal Vitrine Publicitária veicula diariamente notícias relativas ao mercado publicitário como um todo, em uma linguagem fácil e acessível. Checar estas notícias diariamente pode ser uma boa opção para se manter informado.

Conheça os seus direitos
Você sabia que existe uma Lei para proteger os estagiários? É a Lei 11.788 de 25 de setembro de 2008. Se não sabia, vale a pena consultar e ficar por dentro do que você tem direito, para evitar que seja explorado. Clique aqui para conferir a Lei.

Novamente reforço que não há fórmula mágica. A contratação de um estagiário depende de inúmeros fatores, mas finalizo parafraseando um ditado da sabedoria popular: “quem tem competência se estabelece”. Busque esta competência. E se você ainda não conseguiu o seu tão sonhado estágio, sugiro a leitura do artigo: “Como conseguir experiência no mercado de trabalho se não há oportunidade para os sem-experiência”.

Boa sorte no seu novo trabalho!

autor: Bruno Lessa
fonte: http://www.vitrinepublicitaria.net/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *