Utilize as redes sociais para a sua estratégia B2B

  1. Utilize as redes sociais para a sua estratégia B2B




A internet se tornou uma mídia completa: mídia de conteúdos, mídia de compartilhamento, rede sociais, etc. No setor privado, a internet explodiu literalmente: blogs, utilização de redes sociais como o Facebook, o Twitter, Instagram, G+ e os fóruns de ajuda. No setor profissional de uma estratégia B2B, a empresa tem o maior interesse na utilização das redes sociais para mostrar seus conhecimentos, para aparecer e para se expressar. Como usar essas redes sociais? Como implementar uma estratégia de marketing eficaz? Que ferramentas utilizar? É sobre isso que falaremos nesta dica.

Socialização da web

A constatação é simples, os sites da internet “tradicionais” e os motores de busca foram ultrapassados pelas redes sociais. O que isso significa? Para encontrar uma informação, os internautas passam agora por essas plataformas sociais. Estamos em presença da socialização da web, que gera novos métodos de transmissão de mensagens.

Inbound

O Inbound marketing reúne o blogging, a gestão das comunidades na Internet (a mídia social), a redação e a gestão dos conteúdos publicados na internet (content management), as ações do SEO pago ou natural e a análise do comportamento dos internautas, com todas as ações do analytics. De agora em diante, os 2 critérios aos quais as empresas devem se preocupar são a visibilidade e a presença na net.

As vantagens de uma estratégia de marketing 2.0 para a empresa

Encontrar e atrair novos contatos

As mídias e as redes sociais utilizam uma verdadeira estratégia de identificação e de atração de novos clientes de qualidade. Elas possibilitam o acesso rápido e fácil à informações recentes (pois elas são publicadas pelo próprio contato), válidos e completos. Frequentemente, os usuários divulgam suas coordenadas pessoais, seus identificadores do Skype, e-mail, telefone, etc.

Melhorar sua visibilidade na Internet

Como vimos anteriormente, ser visível na net é um fator essencial para uma estratégia marketing de qualidade. Desde o final de 2009, Google e Bing integram em seus resultados de busca as mensagens presentes em certas mídias e redes sociais. Assim, o conteúdo publicado pelos usuários, profissionais ou particulares, possui um real valor. Assim, as empresas devem criar conteúdos de qualidade, encorajar as contribuições e atualizar suas notícias regularmente.

Demonstrar sua credibilidade e seus conhecimentos

A troca de conhecimentos e de ajuda prima nas redes e mídias sociais. Ao posicionar-se como perito em um domínio específico, a empresa pode participar destes intercâmbios trazendo respostas qualitativas e pertinentes.

A estratégia marketing 2.0

Questões prévias

Antes de qualquer coisa, vários critérios devem ser considerados na elaboração de uma estratégia marketing, como determinar objetivos, identificar os alvos (clientes, contatos, colaboradores, associados, redes de influência, líderes de opinião e mídia), saber se esses alvos utilizam as redes sociais e de que maneira, e estabelecer uma mensagem alvo junto a estes públicos.

As ferramentas

O Blog de competência, ou seja, a produção de diversos conteúdos de qualidade, os websites corporate, a criação de grupos profissionais como o LinkedIn, Viadeo e Facebook e o Micro-blogging, principalmente o Twitter.

O conteúdo

A regra de ouro a ser respeitada na Web 2.0 é o conteúdo, considerado como mais importante do que a forma. Um dos princípios das redes sociais é o que os anglo-saxões chamam de Give to Get, ou seja, antes de receber a informação é preciso informar, contribuir. Os contatos potenciais buscam uma informação rápida, clara, gratuita e completa. O conjunto de seus documentos deve corresponder a estes critérios e respeitar a escrita web. Estes documentos não devem conter dimensões comerciais mas, ressaltar o lado informativo e competente.

A animação

A animação dos contribuintes e as ações de monitoramento são frequentemente pilotadas pelo community manager (gerenciador da comunidade). Ele deve possuir qualidades essenciais para o bom desenvolvimento da estratégia, entre elas, uma verdadeira legitimidade para representar a empresa, reais competências e habilidades e conhecimento e prática das redes sociais emergentes. Dentro da empresa, as pessoas podem ser formadas para estas tarefas. Por outro lado, você pode contratar um profissional competente em animação, redação de conteúdos editoriais, ações de SEO, com quem você trabalhará.

Utilizar as redes sociais profissionais

As redes sociais profissionais, como o Viadeo e o LinkedIn, veem se tornando muito importante na relação online dos profissionais. Em fevereiro de 2015, LinkedIn anunciou 347 milhões de membros no mundo inteiro e 3 milhões de ofertas disponíveis online. Grande parte do seu público se encontra nos Estados Unidos e nos países de língua inglesa. Seu principal concorrente, o Viadeo, ultrapassou 65 milhões de assinantes em todo o mundo. Estas redes sociais profissionais são verdadeiras ferramentas para seus usuários e para as empresas. Elas valorizam a experiência e as habilidades de cada usuário. A empresa também tem um espaço para que ele possa mostrar o seu know-how.

LinkedIn e Viadeo lançam as bases de novos espaços de troca entre profissionais: um perfil para cada profissional, através do qual ele possa ser contatado em função de suas habilidades ou sua área de atividade, uma página de empresa e/ou marca pode valorizar o seu know-how e suas novidades, espaços para bate-papo onde os profissionais podem se expressar sobre determinados temas e compartilhar suas experiências, fórmulas publicitárias que permitem que as empresas atinjam um público profissional alvo de acordo com seus produtos ou ofertas e novas possibilidades de recrutamento ou de candidatura. Estas plataformas sociais profissionais também permitem que a empresa aumente a sua presença online.

Retorno do Investimento

A estratégia de mídia e redes sociais também deve incluir um retorno do investimento a fim de realizar uma análise completa do mesmo, em termos qualitativos e quantitativos. Porém, no campo das redes sociais, a medida de uma campanha social é difícil de ser realizada. Fala-se de ROA, ou seja, o “retorno sobre a atenção”, mais adaptado às especificidades da Internet. A partir do momento em que um site é avaliado por uma comunidade, ele se torna uma referência na internet e vai receber como retorno toda a atenção. A confiança é muito importante na internet, e é essa confiança que é facilmente mensurável.

fonte: CCM

Para Completar

Social Media Marketing Industry Report – 2015
Relatório feito por Michael Stelzner, do site Social Media Examiner é baseado em dados de uma pesquisa realizada com quase quatro mil profissionais de marketing. 61% têm seus esforços em consumidores (B2C) e os 39% restantes são focados em empresas (B2B).

Embora o Facebook seja considerado a mídia social mais importante de modo geral, o LinkedIn figura em primeiro lugar entre os profissionais de marketing B2B: 41% dizem que é a rede mais importante que eles usam (30% escolheram o Face).

Postado em:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *