12 acertos e erros na hora de gerenciar sua página no Facebook

Saiba como tirar o melhor proveito dessa rede na hora de criar uma marca com valor

  1. 12 acertos e erros na hora de gerenciar sua página no Facebook




O Facebook continua sendo a rede social mais importante para construir uma marca na internet – outras ganham relevância e até oferecem novos formatos para interagir com consumidores, mas o produto de Mark Zuckerberg continua imbatível.

As boas práticas nessa rede são um assunto recorrente para quem trabalha nessa área, portanto, resolvi retomar o tema trazendo algumas sugestões levantadas pela empresa americana de e-mail marketing VerticalResponse.

Lembre-se que no mundo das mídias sociais não existe uma receita de sucesso. Teste todas as dicas abaixo e adapte-as para as necessidades da sua empresa.

1. Conteúdo

Acerto – Use a regra do 80/20: 80% das suas postagens têm de ter conteúdo interessante e social, que sejam relacionados ao mercado em que sua marca esteja inserida ou que provoquem engajamento. Os outros 20% devem ser conteúdo institucional e promocional da empresa.

Erro – Ficar apenas anunciando produtos e promoções fará seus fãs deixarem de curtir sua página rapidamente. É como se você fosse um canal de televisão que resolveu encher de comerciais o programa favorito da sua audiência.

2. Interação

Acerto – Responda às perguntas, críticas, problemas e comentários de seus fãs dentro de uma hora. Seus fãs estão ali para conversar com sua marca, então dê atenção a eles, mesmo que seja apenas para agradecer essas interações. Quanto a problemas, reconheça, desculpe-se publicamente e tente resolver tudo em um canal exclusivo. Aqui, porém, é preciso de uma análise cuidadosa. Em alguns casos, é melhor – ou necessário – resolver a crise publicamente.

Erro – Ignorar seus fãs ou apenas usá-los para divulgar sua marca. Uma página de uma empresa no Facebook precisa ser humana. Não interagir ou reconhecer seus clientes fará com que eles fiquem desapontados e até mesmo irritados.

3. Síntese

Acerto – Segundo o site de análise de dados Kissmetrics, postagens com até 80 caracteres recebem 66% mais de engajamento – curtidas, comentários, compartilhamentos – do que mensagens longas.

Erro – Toda foto e link precisam de uma contextualização, mas uma mensagem enorme pode levar seu fã a deixar de seguir suas postagens.

4. Criando uma base de fãs

Acerto – Tente criar sua comunidade organicamente, divulgando sua página no seu site e em outras redes.

Erro – Usar qualquer estratégia ou ferramenta que “compre” curtidas. No fim das contas o que importa não é apenas o número de fãs, mas de fãs ativos. Ou seja, fãs fakes não ajudarão a promover sua marca.

5. Comentários

Acerto – Faça postagens que estimulem a participação dos fãs, como mensagens com perguntas. Esse tipo de conteúdo tem 92% mais comentários do que outros. E sempre se lembre de deixar a pergunta por último.

Erro – Faça comentários fakes na esperança de estimular seus fãs a fazerem o mesmo. O pior: se alguém descobrir, esse fiasco de estratégia será uma grande mancha na reputação da sua empresa.

6. Atualização

Acerto – Análise sua página para descobrir quantas postagens podem ser feitas sem incomodar os seus fãs. Muitos sites indicam números determinados, mas isso varia muito de acordo com a empresa.

Erro – Faça atualizações indiscriminadamente até que seus fãs corram da sua página com medo de uma overdose de conteúdo.

autor: Rafael Farias Teixeira
fonte: Revista PEGN

NOTA IFD: Ajudamos nossos clientes a entender e aproveitar todos os benefícios do marketing digital através de resultados reais para seu negócio. Entre em contato conosco e saiba mais detalhes.

Postado em:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *