Sátira – Product Placement mal feito





O product placement, é um dos grandes trunfos da teledramaturgia brasileira para faturar. Quem nunca reparou naquela cerveja marota inserida num seriado? E aquele celular com barulhinho característico sendo utilizado por personagens de uma novela?

Mas há também aquele merchan que não faz o menor sentido. Muitas vezes, a pressa e a falta de planejamento colaboram para que um produto apareça completamente destoado do resto da história. O canal de humor no Youtube Porta dos Fundos decidiu tirar sarro dessa atividade do mercado da propaganda.

Na descrição do vídeo, a trupe diz que “salário de ator de internet não é lá essas coisas” e por isso é preciso completar a renda de outras maneiras. E, em alguns casos, este job por fora significa “enfiar propaganda onde não devia”.

No caso do filme criado pelo grupo, Fabio Porchat aparece devorando Danette no meio de uma situação de perigo. Enquanto isso, o personagem de Rafael Infante não acredita no que vê.

Curiosidade

Você sabia que a prática do Canal Porta do Fundos, que usa o conceito de metalinguagem, ou seja, o product placement para falar do próprio product placement tem um nome e uma estratégica especifica?

É o Meta Placement, quando a cena brinca justamente com o fato de aquilo ser uma cena de presença de marca. Acaba virando também uma “muleta” criativa para ajudar a criar uma cena de placement. Nessa estratégia especifica de placement, que é escrachada e liberal, o público gosta, não apresenta rejeição, justamente por ser algo que soa sincero, aberto, do tipo “não estão querendo me enganar”.

Para Completar
O que é Product Placement ?

Postado em:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *