Os designers das principais empresas não usam fontes da moda. Veja aqui quais eles usam

Quais tipos de fontes que os designers das principais startups realmente usam? De acordo com algumas novas pesquisas bem divertidas feitas pela Icon8, não são as fontes mais recentes e modernas. Em vez disso, na prática, eles usaram fontes testadas – e isso não é tudo que descobriram sobre a teoria versus a prática desses designers.

Para o estudo, o Icon8 analisou dados do ProductHunt, um site de tecnologia popular que selecionou todos os dias desde 2013 novos aplicativos móveis, sites e projetos de hardware. O resultado foi uma lista de quase 1.000 dos principais sites e aplicativos apresentados no ProductHunt, e, em seguida, analizaram seus arquivos CSS, que, naturalmente, descrevem a aparência física dos sites, incluindo as fontes usadas. Usando esse conjunto de dados, eles criaram uma página, chamada Fonts That People Actually Use, na qual qualquer pessoa pode procurar as combinações de fontes usadas por empresas que variam de startups promissoras a juggernauts já estabelecidas. A ferramenta mostra as fontes mais populares classificadas por popularidade (a Helvetica Neue ganha). Na segunda coluna, você pode ver o segundo tipo de letra mais popular no site, o que dá uma ideia das combinações de fontes mais populares. Por fim, na terceira coluna, há as amostras de fontes reais e os sites que usam isso.

Screenshot Icon8

Uma descoberta surpreendente: os designers tendem a escrever mal os nomes das fontes. “Das 500 fontes únicas que recolhemos, apenas 126 tinham correspondências em qualquer uma das três bibliotecas [Google Fonts, Typekit e Font Squirrel]”, escreve o Icon8. O culpado, na maioria dos outros, foi erros de digitação. Mas, ao analisar os dados, um grande item ficou claro: os designers podem falar por aí sobre sobre novos pacotes legais de fontes, mas na verdade eles não os usam quando é hora de realizar o trabalho. Em vez disso, eles usam muitas fontes do sistema mesmo, como o Roboto, combinadas com fontes do Google, como o Open Sans ou o antigo padrão Helvetica Neue. Ou, como diz o Icon8, “As pessoas não se parecem com suas fotos no Instagram. Verdade. As pessoas não estão tão felizes quanto seus perfis no Facebook estão tentando nos convencer. Verdade. E os designers não usam todas essas combinações de fontes que estão na moda. Verdade.”

autor: Jesus Diaz
fonte: Fast Company

Posted in:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *