Evite distrações ao trabalhar em casa





Você é um empreendedor que trabalha em casa? Se a resposta é sim, provavelmente deve ter várias distrações durante o dia que minam sua produtividade. As distrações podem ser muito variadas: uma ida até a cozinha e pegar algo para beliscar, parar um pouco para ver algo na televisão ou seus filhos correndo pela casa. Se o seu trabalho é no computador, as tentações podem ser ainda maiores: começar a navegar e ler notícias (ou coisas até menos úteis), verificar as estatísticas de seu site várias vezes por dia, ou ficar no bate-papo com conhecidos.

As distrações são inevitáveis, mas você deve aprender a lidar com elas e evitá-las. Quando você está desenvolvendo um negócio, não pode se dar o luxo de perder o tempo e foco, que são tão preciosos para seu empreendimento, especialmente nas fases iniciais em que quase tudo depende de você.

Uma distração é atraente, basicamente porque nos dá uma sensação de prazer, ou retira a “dor” (sensação negativa) de algo que você está fazendo. Portanto, o que você deve fazer para eliminar a distração? Diminuir sua sensação de prazer, ou dificultar sua ação.

Exemplos: Se você está trabalhando em um problema difícil em seu computador, terá a tentação de ler algumas notícias para aliviar temporariamente aquela tensão. Se você está se sentindo cansado em seu escritório, terá a tentação de deitar um pouco na cama, ou na poltrona e assistir um pouco de televisão.

Para reduzir o efeito das distrações, uma opção é seguir estes passos:

1. Avalie a distração: Dê uma nota de 1 a 10 a suas distrações, em função do tempo que elas tomam e do prazer que lhe proporcionam. Por exemplo, se você perde 1 hora de trabalho por dia deitado em sua confortável poltrona vendo televisão, esta provavelmente será uma distração de nota alta. Se você gasta poucos minutos por dia olhando a paisagem pela janela (e a paisagem de sua janela nem é tão bonita assim), será uma distração de nota baixa.

2. Selecione as distrações mais “graves” para tomar uma ação: Pode-se usar uma simples regra 20/80 e selecionar as primeiras da lista, que representem 20% do total de distrações.

3. Tome ações para diminuir o prazer da distração: O que você precisa fazer é tornar a distração menos atraente. Mude o ambiente ou a situação, para que aquela ação que está lhe tentando, passe a ter um efeito menor sobre você.

4. Repita os passos 1 a 3 até que suas distrações durante o dia sejam reduzidas: Avalie constantemente o que está lhe distraindo, e faça algo para evitar a tentação. Somente tome o cuidado de não ficar neurótico com isto e procurar eliminar 100% das distrações. Pare no momento em que você achar que sua produtividade já está ótima. De outra forma, perderá mais tempo analisando e eliminando distrações do que com as distrações em si.

Lembre-se que também é possível reduzir o efeito das distrações ao melhorar a experiência das atividades que você deveria estar fazendo. Se aumenta a sensação de prazer ao ser produtivo, diminuirá a tentação das atividades não produtivas.

Alguns exemplos:

a) Você pára todos os dias porque se sente cansado na cadeira de seu escritório e vai assistir televisão.

– Aumente o prazer da atividade produtiva: consiga uma cadeira mais confortável e melhore a iluminação de seu escritório

– Diminua o prazer da atividade que distrai: ao acordar, coloque o controle remoto em um armário em lugar de difícil acesso e desconecte o cabo da tv, desta forma pensará no trabalho que terá para assistir televisão.

b) Você não consegue manter o foco no trabalho que está fazendo no computador, porque acaba navegando na internet.

– Bloqueie a atividade que distrai: use um software como o Temptation Blocker para que você não possa abrir o internet explorer, messenger ou qualquer outro software enquanto deveria estar trabalhando.

– Diminua o prazer da atividade que distrai: mude seu status nos softwares de comunicação (MSN Messenger, ICQ, Yahoo Messenger) para “Ocupado”, e deixe uma mensagem do tipo “Somente disponível para assuntos de trabalho”. Isto certamente diminuirá a disposição de seus contatos para ficar batendo papo com você.

Uma dica final e muito importante: não considero distração o tempo que você dedica a sua família, seus hobbies e a você mesmo. É essencial que você defina um tempo para cada aspecto de sua vida. As distrações discutidas aqui são as que ocorrem durante o tempo que você deveria estar trabalhando. Uma forma de administrar seu tempo, é usando a técnica de “time boxing”… mas isto já é assunto para outro post.

fonte: empreenda já

Postado em:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *